Direitos do passageiro

Mala perdida na esteira de restituição de bagagem

Bagagem extraviada

As empresas aéreas tomam todas as precauções necessárias para não haver extravios de malas. Entretanto, podem ocorrer eventuais incidentes no transporte de bagagem. Isso não significa que a mala foi perdida. Como toda bagagem é identificada com etiquetas, ela é rastreada e, quando encontrada, será enviada para o destino correto.

Se a bagagem não aparecer na esteira, o passageiro deverá procurar um funcionário da empresa aérea antes de sair da área de desembarque, tendo em mãos o comprovante de despacho da bagagem (que normalmente é anexado ao cartão de embarque no momento em que você despacha a bagagem).

No caso das companhias nacionais, quando a bagagem for localizada, ela será devolvida no endereço informado pelo passageiro. Se não for localizada no prazo de 7 dias (no caso de voos domésticos) ou 21 dias (voos internacionais), a empresa aérea entrará em contato com o passageiro em até 7 dias para procedimentos de indenização.

Se o passageiro estiver fora de seu domicílio, eventuais despesas relacionadas ao extravio da bagagem também serão reembolsadas, dentro dos limites estabelecidos pelo contrato de transporte aéreo, desde que apresentados os devidos comprovantes.


Bagagens danificadas ou violadas

Se sua bagagem apresentar um dano decorrente do transporte, ou ainda, se parecer mais leve ou tiver sinais de violação, você tem até 7 dias para fazer uma reclamação junto à companhia aérea nacional.

A recomendação, no entanto, é que sempre que possível o aviso seja feito antes da saída da área de desembarque. Assim, a bagagem poderá passar por inspeção e pesagem na presença de um representante da empresa.